nº 542 - O Castelo de Lorde Valentine



Autor: Robert Silverberg
Título original: Lord Valentine Castle
1ª Edição: 1979
Publicado na Colecção Argonauta em Março de 2003
Capa: António Pedro
Tradução: Paulo A. Moreira
Revisão: Dália Moniz

Súmula - foi apresentada no livro nº541da Colecção, com a indicação de "Ler nas páginas seguintes a súmula do próximo volume da Colecção Argonauta":

Depois de caminhar um dia inteiro por entre um véu de calor que se colava ao corpo como algodão molhado, Valentine chegou ao topo de um enorme espinhaço parcialmente coberto de flocos de pedra que se debruçava sobre Pidruid. A cidade era a capital da província, enorme e esplêndida, a maior cidade que tinha encontrado desde... desde... a maior cidade que encontrara em muito tempo de deambulação, disso estava certo. 
Assim começa a história de Valentine, a saga de um príncipe em heróica demanda para recuperar o que lhe pertence por direito: o seu nome e o do seu reino. 
Incapaz de se recordar do seu passado, e sem se preocupar muito com o seu futuro, Valentine chega à lendária cidade de Pidruid, no imenso planeta Majipoor. Juntando-se a um grupo de malabaristas Skandars de quatro braços e a alguns humanos, parte com estes numa viagem épica, actuando em cidades desconhecidas e maravilhosas, perante públicos em êxtase.
A bonita Carabella, sua companheira no grupo, ampara-o quando sonhos maus lhe perturbam o sono. E quando os sonhos se tornam cada vez mais ameaçadores, é outro dos seus companheiros, um anão místico, que o ajuda a resolver o mistério que envolve a sua identidade e a sua origem.
À medida que o grupo dos seus amigos e apoiantes cresce, a demanda de Valentine torna-se uma excitante peregrinação através dos vastos continentes e dos mares de Majipoor, terminando no castelo do Senhor, onde o nosso herói deve enfrentar um último desafio antes de recuperar o que sempre lhe pertenceu.  

Sem comentários:

Publicar um comentário