nº 373 - O Mistério de Mercúrio



Autor: Bob Shaw
Título original: Fire Pattern
1ª Edição: 1984
Publicado na Colecção Argonauta em 1988
Capa: A. Pedro
Tradução: Raul de Sousa Machado

Súmula - Foi apresentada no livro nº372 da Colecção, com a indicação de "Ler nas páginas seguintes a súmula do próximo volume da Colecção Argonauta":
Bob Shaw é um dos autores britânicos mais prolíferos e mais representados na Colecção Argonauta. É também célebre pela originalidade das suas ideias, entre as quais a do vidro lento, uma das poucas ideias realmente novas surgidas na FC. 
Essa originalidade está mais uma vez patente em Fire Pattern, que na versão portuguesa recebeu o nome de O Mistério de Mercúrio. Tempos houve em que a combustão espontânea do corpo humano era tida como possível. Serviu para ocultar muitos e hediondos crimes. Hoje considera-se que ela é impossível, à luz da ciência. No entanto, de vez em quando, surgem histórias de pessoas que subitamente ardem sem causa aparente. 
Há nessas histórias aspectos muito estranhos. Os corpos são reduzidos a cinzas por uma temperatura tão alta que funde os objectos de metal que as vítimas tenham nos bolsos, mas inexplicavelmente os móveis circundantes não sofrem quaisquer danos.
A obra de Shaw tem por centro essas histórias. Serão uma verdade inexplicável, ou um mito? Em 1992, um jornalista investiga um suposto caso de combustão espontânea e descobre uma estranha ligação entre esse caso e outro - em ambos, uma pequena caixa de pastilhas é encontrada junto das cinzas. Mas a sua descoberta, vai levá-lo a situações muito mais estranhas do que alguma vez sonhara...
Nota: apreciei sempre bastante as obras de Bob Shaw. Esta é, como as outras, bastante perturbadora, e com um argumento muito original.

Sem comentários:

Publicar um comentário