nº 167 - Estrela Errante



Autor: Frederik Pohl e Jack Williamson
Título original: Rogue Star
1ª Edição: 1969
Publicado na Colecção Argonauta em 1971
Capa: Lima de Freitas
Tradução: Eurico da Fonseca 

Súmula - foi apresentada no livro nº166 da Colecção, com a indicação de "Ler nas páginas seguintes a súmula do próximo volume da Colecção Argonauta":

Depois de Missão Impossível e Ultimato à Terra, os consagrados escritores de FC Frederik Pohl e Jack Williamson, voltam de novo à Colecção Argonauta, desta vez com uma obra de interesse avassalador, que vai, decerto, entusiasmar os imensos leitores desta já famosa Colecção. Esta obra, que completa a trilogia iniciada com os volumes acima citados, completa-se, assim, de maneira brilhante, mantendo o reconhecido mérito dos seus autores.
Cliff Hawk era um homem muito especial. Amava Molly Zaldivar e não tinha meio de saber se o seu amor significaria a morte da rapariga. Uma estrela não compreende o amor nem o ódio. Daí o conflito e o drama...
Eis, apenas, alguns apontamenteos do clima narrativo que perpassa neste livro, considerado pela crítica especializada uma obra-prima no género. 

Introdução:

Depis de Missão Impossível (nº151) e de Ultimato à Terra (nº155), Frederik Pohl e Jack Williamson apresentam uma nova obra sobre o seu estranho universo das estrelas que pensam, dos seres que vivem no espaço e dos homens e das mulheres que com o seu auxílio foram além do mundo, conhecer outros mundos estranhos. Mas sempre sem dominar o eterno problema da compreensão do destino humano.

Sem comentários:

Publicar um comentário